Oeah

TEMA: A CRISE DOS MÍSSEIS

Maior organismo multilateral das Américas e mais importante fórum de discussão do Novo Continente, a OEA (Organização dos Estados Americanos) é o produto final de décadas de tentativas iniciadas em 1826, ainda por Simon Bolívar, de se criar um ambiente que fomentasse o desenvolvimento, a democracia, o respeito aos Direitos Humanos e a segurança. Fundada oficialmente em 1948, atua junto aos países membros, intervindo sempre de forma diplomática para tentar amenizar e solucionar os problemas que assolam o continente americano.

Na primeira edição da DiONU, a OEA existirá como um Comitê Histórico, trazendo de volta para a mesa de discussões um evento passado que possui reflexos até hoje na sociedade. Nesse ano, o tema será “A Crise dos Mísseis Cubanos”, momento mais tenso da Guerra Fria, onde por 13  dias a União Soviética (URSS) e os Estados Unidos (EUA) ficaram mais próximos do que em qualquer outro momento da história de um conflito bélico-nuclear. Segundo um estudo da Universidade de Harvard, o resultado seria mais de 250 milhões de pessoas mortas diretamente e mais 200 milhões de mortes a longo prazo, frutos de um “inverno nuclear”.

Ao escolher participar desse comitê, os delegados e delegadas serão transportados diretamente para os dias da Crise durante o ano de 1962, com todas as características próprias da época, não sendo permitido durante as reuniões a menção ou citação de qualquer coisa que ultrapasse o ano acima mencionado. Em meio às discussões, se tentará solucionar o impasse causado por mísseis nucleares russos em território cubano, além de outros assuntos pautados para a Reunião Extraordinária dos Ministros de Relações Exteriores.

 

LISTA DE REPRESENTAÇÕES:

Argentina

Bolívia

Brasil

Chile

Colômbia

Costa Rica

Cuba

Estados Unidos

Haiti

Honduras

México

Panamá

Peru

Uruguai

União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS)

Venezuela

Total de países: 15

 

Nossa equipe